Em carta aos integrantes do Ministério Público Federal, o procurador Deltan Dallagnol relata encontro com o sub-procurador Augusto Aras, indicado pelo Presidente Bolsonaro para chefiar a PGR.

Na carta, Deltan relata o compromisso reafirmado por Augusto Aras de fortalecer Lava Jato, e elogia sua decisão de trazer de volta os procuradores que pediram afastamento da Força Tarefa após decisão de Raquel Dodge de solicitar a Edson Fachin, do STF, a supressão de trechos da delação de Leo Pinheiro que incriminam Dias Toffoli e Rodrigo Maia.

A carta de Deltan é mais um desmentido das narrativas da grande imprensa que insiste na mentira de um suposto acordão para enfraquecer as investigações de crimes de corrupção. #CriticaNacional #TrueNews #RealNews

 

1 COMENTÁRIO

  1. Assim espero, os discursos que ele faz sempre agrada ao seu interlocutor e depende da análise de cada um.
    Morno como Dodge não precisamos, eu como cidadã pagadora de impostos espero que ele realmente atenda aos interesses públicos e não de políticos, STF etc. Quero ver o que fará em relação às rachadinhas nas câmaras que atitude vai tomar. O povo está cansado de ser esfolado pelo Estado e ser obrigado a pagar as contas.

Comentar:

Please enter your comment!
Please enter your name here